Aeroporto-partidas

Aeroportos, gares, comboios e até mesmo hotéis são para mim espaços mágicos onde se pode experimentar o prazeirento sabor  do anonimato. São sítios de parte nenhuma, lugares de todos e de ninguém,  espaços de fantasia, onde sentimos o peso  das  vidas que ali passam continuamente e a leveza de o fazerem sem deixar rasto.
Com  mais ou com menos tempo, gosto sempre de os desenhar. desta vez foi antes de partir para Nantes, nas partidas do terminal Lowcost ...